Benefícios do Clube Privado

No início do ano lectivo, em Setembro, fomos confrontados com uma escolha difícil. Pela primeira vez desde o início do Projecto Cultural e Pedagógico Japão e Portugal (primeiramente designado “Um longo Verão no Japão”, como este blogue) escolhemos não abrir nenhum programa de aulas, workshops ou ciclos de conferências. Isto prende-se com o facto de a pandemia ainda não estar sob controle no nosso país e com o facto de assumirmos a responsabilidade de não promover comportamentos de risco.

Infelizmente os nossos receios vieram a comprovar-se, já que os meses de Outubro e Novembro vieram a revelar um aumento do número de fatalidades e surtos. Se nos tivéssemos comprometido com o habitual aluguer de espaços para as nossas sessões, ou com a aquisição de materiais pedagógicos e parcerias com professores, seria simplesmente impossível fazer face a essas despesas e o projecto estaria condenado a encerrar definitivamente. Assim, devido à nossa prudência, conseguimos pelo menos continuar a existir em teoria, aguardando melhores dias para retomar as actividades habituais. Entretanto, sem nenhuma actividade presencial, nenhuma participação em eventos culturais de outras organizações, e nenhuma possibilidade de angariação de fundos, mesmo as despesas fixas mínimas tornaram-se muito difíceis de cobrir. Por isso, em Outubro, abrimos uma nova frente: o Clube Privado do Projecto Cultural e Pedagógico. Aí, em formato virtual, temos feito os sorteios de prendas do Japão, temos colocado os recursos de aprendizagem de língua e cultura japonesa, os livros em PDF, os links para conteúdos relevantes para todos os nipófilos, e é também através do Clube que realizamos o lançamento das formações online, os directos, os webinars e as parcerias.

Portanto, o Clube está a constituir-se cada vez mais como a via de substituição virtual dos nossos conteúdos pedagógicos, para além de ser uma comunidade privada onde cada um dos seus membros pode estar à vontade para partilhar as suas experiências, falar de como foi ir connosco ao Japão, colocar questões e sugestões, ou participar gratuitamente nos webinars. O Clube funciona como um grupo privado da rede social Facebook, pelo que requer que os seus membros tenham conta de Facebook para aderir. Contudo, não desejamos excluir ninguém, e por isso – mesmo que não tenha conta de Facebook – se desejar ter acesso aos conteúdos do Clube (embora sem a parte da interacção) é perfeitamente possível contactar-nos nesse sentido e passarmos a enviar-lhe os conteúdos por email.

Escreva-nos para umlongoveraonojapao@gmail.com se não tem conta de Facebook mas gostaria de saber como beneficiar de ser membro do Clube.

Com efeito, a entrada para o Clube requer o compromisso de aderir às regras de funcionamento do mesmo e a disponibilidade de contribuir voluntariamente para a disseminação dos valores deste Projecto, bem como o donativo benemérito definido para o estatuto de membro. Esse donativo benemérito, que até 25 de Janeiro de 2021 se resume a 40 euros, ajuda-nos a cobrir despesas como a anuidade de pagamento de cota em entidades oficiais que certificam a nossa legitimidade e áreas de actuação, nomeadamente como entidade de educação e como entidade de consultoria e serviço nas áreas do turismo cultural no Japão, e também o pagamento das despesas inerentes ao registo de domínio próprio, caixa-postal, armazém para os recursos e materiais pedagógicos (que agora não podem ser usados), entre outros.

Para todos os nossos leitores poderem ter conhecimento das regras de funcionamento do Clube (como grupo do Facebook), colocamos aqui em baixo a transcrição das mesmas.

1 – Sem vendas, publicidade ou SPAM:

Neste grupo há espaço para cada pessoa ser inteiramente e livremente o que é, e isso passa por mostrar o que faz, quais as suas paixões. Contudo, sem vendas, publicidade ou spam.

2 – Sem racismo ou xenofobia:

Acreditamos que as “diferenças” são espaços para aprendizagem, que o “diferente” é curiosidade com potencial de descoberta. Neste grupo nenhuma forma de racismo ou xenofobia é aceitável.

3 – Sem empresas ou perfis-parasitas:

Sabemos que empresas e perfis-parasitas, cujo único objectivo é colonizar grupos e páginas são infelizmente muito comuns das redes sociais. Não são admitidos aqui neste grupo.

4 – Sem assédio ou imoralidade:

As fronteiras de confiança /conforto de cada um são algo muito fluído, podem ser mais amplas para uma pessoa e mais curtas para outra. Por esse motivo jogamos pelo seguro. Seja atencioso/a.

5 – Sem invasão de privacidade:

O grupo é privado por um motivo: não exponha os posts, imagens, vídeos ou outros conteúdos dos seus membros. Para este fórum ser livre e seguro todos devem comprometer-se a respeitar a privacidade.

Para além das regras em si mesmas, segundo as quais cada um dos candidatos pode ser incluído ou excluído do Clube, foram estipulados também dois princípios fundamentais:

1- Ser colaborador, voluntário ou contribuidor benemérito para o Projecto Cultural e Pedagógico Japão & Portugal e, de forma directa, contribuir para suportar, divulgar e apoiar as suas actividades, bem como as actividades da sua autora no que diz respeito à promoção da relação amistosa e cordial entre portugueses e japoneses, nomeadamente na esfera da cultura, arte, turismo e educação;

2 – Aceitar que todas as interações dentro deste grupo ou entre os membros deste grupo, mesmo fora da dimensão virtual, deverão ser norteadas pela adequação, cordialidade, respeito e valorização das especificidades cultuais de cada país / povo, não sendo de todo aceitável qualquer vestígio de agressividade ou intolerância entre os membros.

Até ao momento presente já foram realizadas as seguintes actividades (virtualmente) no Clube:

> Sorteio de caixas-presente de “souvenirs” do Japão. Três caixas-presente foram sorteadas entre os membros que entraram para o Clube até ao fim do mês de Outubro e foram enviadas para as suas residências por correio.

> Acesso a vários livros, dicionários e outros materiais pedagógicos com conteúdos relevantes para a aprendizagem da língua japonesa, e também livros de nutrição e receitas, artigos sobre história e arqueologia, todos em formato PDF, exclusivos para os membros do Clube.

> Anúncio antecipado (antes dos outros canais de divulgação) dos webinars e outras formações online, e acesso à chave de entrada nos mesmos, sem quaisquer custos ou limitação de data de inscrição.

Futuramente, pese embora o acesso ao Clube esteja sempre em aberto, as condições para entrada na qualidade de membro benemérito sofrerão ligeiras alterações, nomeadamente o valor mínimo de contribuição para a adesão permanente. Proporcionalmente, os recursos para os membros do Clube serão também mais desenvolvidos, com a previsão de entrada de mais recursos pedagógicos (em PDF), directos, webinars e outras formas de estarmos em contacto e em aprendizagem online.

Uma vez que o Governo do Japão anunciou recentemente o seu plano de vir a permitir a entrada de visitantes estrangeiros por curta duração a partir do Verão de 2021, esperamos que venha a ser possível retomar os nossos programas de visita ao Japão a partir do segundo semestre do próximo ano, pelo que os membros do Clube também virão a beneficiar de serviços tais como a consultoria especializada para a criação de itinerário de viagem e/ou a integração nos nossos grupos de visita cultural ao Japão (à semelhança do que já realizámos em anos anteriores).

Entretanto, para além da nossa plataforma no Facebook, que incluí a página em nome do Projecto e agora também o grupo do Clube Privado, os nossos leitores/seguidores podem também contar com o canal de Youtube. Neste canal têm sido colocados vários tutoriais, vlogs e entrevistas, incluindo entrevistas a amigos e colaboradores que estão no Japão, pelo que é um canal que nos permite estar mais próximos uns dos outros mesmo nestes tempos conturbados e imprevisíveis.

Em baixo indicamos três temáticas que temos trabalhado mais ultimamente (cada um dos links irá direccionar para uma lista de reprodução, contendo vários vídeos cada):

Rotas e Caminhos do Japão Antigo (até à data, 5 vídeos)

“À Conversa com…” – entrevistas e conversas com amigos e colaboradores, entre Portugal e o Japão. Lista com mais de 15 vídeos.

O que não pode perder! Dicas daquilo que não vai encontrar na maioria dos pacotes de turismo das agências de viagens. (até agora, 5 vídeos)

Natal ecológico, com uma ajudinha do Japão

Todos os anos é a mesma coisa: os embrulhos dos presentes representam muito desperdício de papel, fitas e autocolantes. Primeiro, é uma despesa extra, depois é um lixo incómodo, e quase sempre são materiais que não resultam de reaproveitamento nem sequer são recicláveis. Não acha que pode haver uma alternativa melhor?

furoshiki workshops novembro 2019

Usamos a inspiração do Japão para propor uma solução para isso. A resposta é o Furoshiki, um conjunto de técnicas baseadas na arte tradicional japonesa de criar embrulhos em tecido.

Venha aprender sobre o Furoshiki e passe a integrá-lo na sua vida, e não é só para o Natal!

Próximos Workshops:

Dias 9 e 23 de Novembro, na Chronospaper, em Coimbra.

Se deseja participar submeta este formulário de pedido de inscrição.

Aprender com a prática

As experiências de turismo imersivo distinguem-se do “turismo” porque dão primazia à aprendizagem prática em contexto de imersão. Estamos acompanhados de japoneses e é através deles e em actividades integrativas que temos a experiência do Japão.

received_2405680886418528

Para além dessa missão, sempre presente quando estamos de visita ao país do sol nascente, também temos naturalmente de lidar com as circunstâncias habituais de estar sujeito ao clima. Assim, num dia particularmente chuvoso, e no qual foi necessário activar o “plano B”, visitámos um dos nossos recantos preferidos de Kyoto.

Neste espaço, que congrega vários artesãos locais e proporciona workshops guiados por especialistas, tivemos a oportunidade de usufruir de uma hora de formação sobre a história e usos dos incensos e outras preparações herbais na cultura milenar de Kyoto, e também nos foi possível praticar fazer essas mesmas artes sob uma amigável orientação.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O resultado? Saquinhos de seda de kimono cujo interior guarda misturas aromáticas e medicinais, e que poderão ser usados entre 18 e 24 meses, tanto para conservar roupas e outros têxteis como para dar um bom odor a divisões domésticas.

Com o nosso programa de visita ao Japão e orientação na perspectiva do turismo imersivo, foi possível realizar este workshop sem marcação prévia (decidimos no próprio dia), por cerca de 20 euros por pessoa, sem tempo de espera, tendo ficado com o resultado final do mesmo para nosso “souvenir”.

received_643203889501533

 

 

 

 

 

Workshops para todos

furoshiki exemplo pacote pequeno_ ines matos_2019Se perdeu o nosso workshop de introdução ao Furoshiki em Coimbra (Maio), pode agora aproveitar a próxima oportunidade no Porto. A loja Kuri Kuri tem uma agenda de workshops de inspiração japonesa, entre eles Kusudama e língua japonesa, e claro, Furoshiki.

O nosso workshop será no dia 27, das 15h às 17h.

Morada: Rua do Rosário, 343, 4050-525 Porto

Inscrições e informações: anabarroscancela@gmail.com

Vamos fazer furoshiki!

41475888_1010781149100537_218729576145092608_o

Anotem na agenda: próximo sábado, dia 4 de Maio, às 4 da tarde, fácil de memorizar 😉

Furoshiki é uma das artes tradicionais do Japão, sendo parte do dia-a-dia dos japoneses como uma forma prática de embrulhar e transportar objectos, e também de decorar os presentes.

Uma das principais vantagens do furoshiki é ser um método ecológico e económico, já que se baseia no uso de panos simples e dispensa a aquisição de sacos de plástico ou mesmo qualquer outro tipo de produto industrialmente produzido.

Neste workshop vamos experimentar várias formas de furoshiki, para além de compreender as origens e aplicações do mesmo.

A formação será ministrada por Inês Carvalho Matos e o workshop terá lugar no atelier-loja Chronospaper, na baixa de Coimbra.

Os participantes deverão trazer objectos nos quais vão praticar as técnicas de embrulho, pelo menos dois dos objectos listados abaixo:

um cesto ou taça, redondo ou oval, com o máximo de 25cm de diâmetro

um pacote de lenços de papel do tipo “tissue”, rectangular (de mesa)

uma garrafa de 50cl, 75cl ou 1l

dois livros de tamanho e peso equivalente, aproximadamente A5 cada um

A participação neste Workshop requer inscrição prévia.

Para se inscrever, por favor submeta a Ficha de Inscrição que se segue

https://forms.gle/vp7M2r2ioQRxFY686

Ou contacte directamente a Loja/Atelier Chronospaper, onde o Workshop se irá realizar.

Rua Adelino da Veiga 51, 3000-003 Coimbra
239 106 424

Arte & Música

Artistas plásticos, músicos/cantores, e outros criadores de arte interessados em residências artísticas enquadradas em planos colaborativos no Japão contactem umlongoveraonojapao@gmail.com.

Consulte as condições e preços aqui:

 Beppu 2019 condições

A organização em Portugal representa a NPO (Non Profit Organization) Midori no Mori, dedicada a revitalizar áreas rurais/de montanha e a realizar actividades ao ar livre com forte componente de contacto com a Natureza. Pode consultar o Facebook desta NPO abaixo indicado (só em japonês)

https://m.facebook.com/midorinomori.p/

Este programa destina-se a artistas com currículo relevante em arte & música com elementos de folquelore/cultura ancestral/etnologia/natureza e paisagem.

Nacionalidade portuguesa (ou residência fixa em Portugal), ou nacionalidade japonesa.

Preferencialmente com intenção de desenvolvimento de projetos em colaboração com artistas japoneses dessa mesma área.

A organização da viagem, alojamento, actividades e outra programação associada não tem fins comerciais. Os custos serão partilhados pelos participantes.

Com serviço de curadoria incluído e garantia de exposição/performance/espectáculo.

Residência artística a realizar entre 21 de Fevereiro e 12 de Março de 2019.

Com possibilidade de estender a estadia no Japão e integrar programa cultural e turístico na segunda quinzena de Março.

Apenas 6 lugares disponíveis para artistas.

Encerramento de candidaturas a 10 de Dezembro.

Selecção depende do envio de todos os elementos acima pedidos (ver doc PDF) e também entrevista.

Aberto a acompanhantes, na qualidade de “turismo”. (Com possibilidade de excursões e tours.)

Origami: lagoa japonesa

31789362_392434664572203_6857883549786177536_o

A origamista Ana Catarina Maio volta a visitar-nos para proporcionar mais uma sessão de formação em origami tradicional japonês.

Nesta sessão o tema é “lagoa japonesa”, já a pensar nos dias de calor que se avizinham.

O tema da lagoa, charco espontâneo ou criado pela arte do jardineiro, é muito característico do início do Verão, estando associado à chegada do calor e da humidade, com as chuvas de junho. Na cultura japonesa estas lagoas e os sapos que as habitam, são frequentemente inspiração para poemas breves (haiku), pintura (sumi-e) e origami.

De acordo com a mentalidade nipónica, aquilo que é característico de cada estação do ano (que na verdade não se limita a quatro estações) deve ser apreciado profundamente, pois é passageiro, e uma das melhores formas de o fazer é dedicarmo-nos à criação de algo belo a partir desses temas.

Todos são bem vindos, mesmo se nunca teve iniciação ao origami.

Solicitamos a contribuição de 10 * por adulto ou 8 * por criança (deverá fazer-se acompanhar de um adulto).

Se desejar reservar o seu lugar pode inscrever-se antecipadamente. Por favor contacte-nos por email: umlongoveraonojapao@gmail.com

É possível receber inscrições no próprio dia, sujeitas à limitação de lugares na sala.

Local: Instituto Universitário Justiça e Paz, pólo 1 da Universidade de Coimbra, sala A no piso 1.

Horário: das 16:00h às 18:00h.